topo
Home > Formação > Bíblia, use, mas não abuse

Bíblia, use, mas não abuse

          Sua Bíblia é um belo e fortíssimo livro. Já transformou a vida de muita gente. Já fez muita gente santa. Já mostrou Deus a milhões de pessoas e já levou a Deus milhões de fiéis.

         Como você provavelmente não sabe aramaico, hebraico, grego ou latim, depende de tradutores. Se não estudou exegese, depende dos pregadores. Se o seu pregador for pessoa inteligente, mas fechado e sectário, você vai ler a Bíblia guiado pela cabeça dele. Se ele for pessoa serena, coração e mentes abertos, pessoa de diálogo, culto, sua Bíblia será um livro santo útil para dialogar de irmão para irmão.

          Há quem use a Bíblia com respeito, com diálogo, com humildade, como quem aprende e ouve os outros. Há quem a use como se fosse um porrete. Tudo é a seu favor e o que ele puder usar para diminuir ou agredir outras religiões, ele decora e aproveita. Usa-a com maldade no coração, pensando em encher as suas igrejas.

          Faça a sua escolha! Vai usar as passagens que lhe interessa usar a favor da sua Igreja e contra a dos outros, ou vai saber pensar e interpretar diferente sem se achar melhor, mais santo e mais eleito que os outros? Ficou mais humilde ao ler a sua Bíblia ou agora se acha o certo, o santo, a santa convertida, o máximo dos máximos?

          A Sagrada Escritura é um excelente livro, mas nem sempre é bem lido e bem usado. Nas mãos de alguns pregadores obcecados e instáveis parece um porrete, usado para ferir, subjugar.

          Que não seja o seu caso! 

         Escrito por Pe. Zezinho, SCJ   










Paróquia Santa Rita
Rua Dr. Rafael de Castro, n.º 222 - Santa Rita
Telefone: 73 3263 - 1044
plug21.com